Brasília recebe nesta semana Encontro Nacional de Detetives

Projeto de Lei do deputado Peninha que regulamenta a profissão será discutido entre a categoria

Projeto de Lei do deputado Peninha que regulamenta a profissão será discutido entre a categoria

Será nesta quinta-feira, dia 10, em Brasília, o Primeiro Encontro Nacional de Detetives. Representantes da categoria e profissionais de diversas regiões do país estarão reunidos para discutir a necessidade de regulamentação da profissão. Na pauta está o PL 9323/17, de autoria do deputado Rogério Peninha Mendonça (MDB/SC), que trata do registro profissional na Polícia Federal.

O PL tramita na Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público, e aguarda a designação do relator. Para o parlamentar, o encontro será uma ótima oportunidade para debater os direitos e anseiosdo grupo. “Estima-se que hoje no Brasil, existam mais de 300 mil detetives particulares, pelo menos 35 mil atuando no mercado de trabalho. Mas não há uma regulamentação específica. Por isso fui procurado por um grupo de profissionais para propor o PL”, comenta.

O projeto deve delimitar critérios sobre os profissionais da área, bem como os parâmetros de trabalho e responsabilidades. O encontro será realizado no Auditório Freitas Nobre, que fica no subsolo do Anexo IV, na Câmara dos Deputados, e tem início às 9h. Além de profissionais, autoridades parlamentares de vários estados, representantes da Polícia Federal e do Ministério da Justiça devem se fazer presentes.

Temas a serem debatidos:
- PL 9323/17, que cria o registro profissional do detetive na Polícia Federal;
- O futuro do profissional sob os olhos e controle do Estado;
- Eleição de uma nova comissão nacional de representação da classe no campo político;
- Organização de grupos de coordenação para atuação junto aos profissionais nos Estados.