PMDB catarinense faz pressão por obras na BR-470

Além de acelerar a duplicação, injeção de recursos instantâneos vai baratear pedágios quando saírem as concessões

Além de acelerar a duplicação, injeção de recursos instantâneos vai baratear pedágios quando saírem as concessões

A bancada peemedebista em Brasília, liderada pelos deputados Rogério Peninha Mendonça e Mauro Mariani, além do senador Dário Berger, esteve no Palácio do Planalto nesta terça-feira, dia 27, para cobrar agilidade nos repasses para a duplicação da BR-470. Aos parlamentares, o ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Moreira Franco, assegurou aporte financeiro para acelerar as obras nos quatro trechos entre Navegantes e Indaial. “A equipe econômica do governo se reuniu e definiu que a BR-470 é uma das obras estratégicas para o país. Por esse motivo, ela está blindada de possíveis cortes ou contingenciamentos”, afirmou ele.

A notícia animou Peninha, que vinha cobrando com insistência um anúncio oficial do governo nesse sentido. "A injeção de recursos instantâneos nesta obra vai fazer com que a pista seja duplicada mais depressa. Com esta ‘blindagem’ assegurada, o pedágio também vai baratear quando sair as concessões”, comemorou o deputado.

Os valores exatos para a continuação dos trabalhos na rodovia devem ser conhecidos na próxima semana, quando será lançado pelo Presidente Michel Temer, em Brasília, o programa “Avançar Brasil”. Na primeira etapa, o programa vai receber R$ 56,6 bilhões da União, até dezembro de 2018, em mais de dez mil projetos em todo o país. A estimativa é gerar 1,2 milhão de empregos.