Pela revogação do Estatuto do Desarmamento, Peninha faz duras críticas contra presidente da Câmara

Em manifestação nesta segunda-feira, parlamentar exigiu que Rodrigo Maia cumpra sua palavra e ponha o PL 3722 para ser votado no plenário

Em manifestação nesta segunda-feira, parlamentar exigiu que Rodrigo Maia cumpra sua palavra e ponha o PL 3722 para ser votado no plenário

O deputado federal Rogério Peninha Mendonça (MDB/SC) cobrou de forma enfática um posicionamento do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM/RJ), em relação ao projeto de sua autoria que revoga o Estatuto do Desarmamento. No vídeo - postado em suas redes sociais -, Peninha mostrou seu descontentamento com a falta de compromisso do colega de Congresso, em pautar o PL 3722. O parlamentar argumenta que em diversas oportunidades, Maia assumiu o compromisso, mas não cumpriu com sua palavra.

“Senhor presidente, eu quero lhe dizer que esse pedido não é do deputado Peninha. Ele é de milhares de brasileiros que querem o seu direito de defesa de volta. Eu penso que assim como eu, o senhor também deve receber centenas de mensagens, diariamente nas redes sociais, no e-mail e até telefonemas de pessoas lhe fazendo este mesmo apelo”, alfinetou o autor do PL.

O Projeto de Lei 3722 estabelece novas normas para a aquisição, posse, porte e circulação de armas de fogo e munições no Brasil. O artigo 78 do projeto revoga a Lei nº 10.826/2003, conhecida como Estatuto do Desarmamento. O texto do PL já foi aprovado em Comissão Especial e está pronto para ser votado no plenário da Câmara.

“Estou farto de tantas promessas. Só este ano foram duas datas diferentes, primeiro em fevereiro e depois em maio. Já estamos em agosto e até agora nada. Por isso eu lhe pergunto, presidente: o que falta para que este projeto seja pautado e levado para discussão em plenário? Até quando eu e os cidadãos de bem desse país vamos precisar esperar por sua boa vontade sobre esta causa tão nobre?”, completa Peninha, no vídeo.

Confira o texto do PL 3722:
goo.gl/fA4xwo

Confira o posicionamento dos parlamentares sobre a revogação do Estatuto do Desarmamento: www.deputadopeninha.com.br/placar